Uma religião africana de raiz

Para muitos adeptos e iniciados nos candomblés da região sudeste do país, o Batuque do Rio Grande do Sul não é considerado como religião, por vários motivos que realmente me incomodam, talvez a causa maior seja o medo de abalar uma das mais fortes atrações turísticas da Bahia, pois não posso aceitar mulheres nas ruas vestidas com roupas e guias de religião vendendo acarajé, isto é apenas um pequeno exemplo. Já por outro lado quando um dos maiores estudiosos de Nação Ketu, Pierre Verger esteve em Porto Alegre lá pelo…

Compartilhe este Post nas Redes Sociais
Read More

Não podemos esquecer da história

Sei da existência de Jesus Cristo e de outros santos da religião católica, portanto não acredito tampouco idolatro os mesmos, assim não posso aceitar jamais que relacionem os Orixás Africanos com os santos da Igreja Romana, não posso admitir hoje em tempos de liberdade de expressão que ainda existam símbolos católicos nas Religiões Africanas, aceitava-se o sincretismo quando os negros aqui no Brasil tinham que utilizar imagens de homens brancos para poder cultuar os Orixás negros, volto a repetir, hoje a liberdade de expressão nos protege. Os santos da religião…

Compartilhe este Post nas Redes Sociais
Read More

Quem expõe o sagrado NÃO respeita o seu Orixá

O PERIGO DA TECNOLOGIA DENTRO DO BATUQUE O batuque é uma religião linda, secular, presente na sociedade gaúcha desde o seu surgimento. Seu crescimento é cada vez mais evidente, principalmente quando verificamos a quantidade de adeptos nos últimos anos. É a ascensão não só de uma doutrina, mas de um modo de vida que ganha os lares gaúchos e já se expandiu além-fronteiras. A todos quanto possa interessar, o Batuque é hoje maior, em número de religiosos, que o Candomblé, que é a referência de religião de matriz afro no…

Compartilhe este Post nas Redes Sociais
Read More

Hoje é Dia do Cambono

Ser médium cambono é ter o prazer de servir com humildade. É ter as bençãos de aprender a cada trabalho. É ter a proteção e o carinho das entidades que servimos. É ter a alegria de receber um colo de Preto Velho, um abraço de um Caboclo, uma palavra séria e amiga de um Exú e aprender com eles tudo que for possível sempre. Ser cambono também é escrever rápido!!! Cambono é uma das atividades exercidas nos terreiros que merece uma atenção muito especial, dada a sua importância como auxiliar…

Compartilhe este Post nas Redes Sociais
Read More

24 de Maio – Dia de Santa Sara Kali protetora do povo cigano

Santa Sara Kali é a padroeira dos ciganos em roma e é também a santa protetora e provedora de sorte, amor, saúde, fartura e vida longa. Maio é o mês de celebração do seu dia. Apesar de ser mais conhecida como protetora do povo cigano, Santa Sara Kali também é conhecida por ajudar as pessoas com dificuldades em engravidar, os desesperados e os desamparados. Apesar de ter sido canonizada pela Igreja Católica em 1712, o seu culto é omitido até hoje. Os festejos da sua data, normalmente celebrada no dia…

Compartilhe este Post nas Redes Sociais
Read More

Hoje é Dia dos Pretos Velhos!

Dia 13 de maio é dia de preto-velho na umbanda. Dia de comemorar com festa estas entidades que representam velhos negros e negras, espíritos de antepassados. Velhos escravos que voltam à terra para ajudar as pessoas, e são muito queridos pelos fiéis. Não é à toa que o dia dessas entidades encurvadas, carregando às vezes um cajado e falando um português antigo é também a data da libertação dos escravos. Nesse dia cultuam-se os espíritos dos antepassados, dos velhos escravos que, retirados a força de suas aldeias na África e…

Compartilhe este Post nas Redes Sociais
Read More

1ª Edição do Seminário Jovens do Axé

SEMINÁRIO JOVENS DO AXÉ Venha conhecer sua religião em uma dinâmica diferente e exclusiva. Focado na juventude do axé, o Seminário Jovens do Axé objetiva abordar os mais diversos temas do Batuque do RS de uma forma descontraída e liberal, aproximando você, jovem religioso, de uma conversa livre onde poderá tirar suas dúvidas com quem entende do assunto e descobrir a beleza da sua cultura. Tema dessa edição: Resgatando as tradições Palestrante convidado: Pai Mario de Oxalá Obokun da Nação Nagô/Jeje Data e Hora: 16/06/2019 às 14:00 Local: Casa de…

Compartilhe este Post nas Redes Sociais
Read More

Aonde foi parar o tal do respeito entre Pais e Filhos de Santo?

Tenho notado no passar dos Anos que aos poucos foi se perdendo o Respeito entre Pais e Filhos de Santo, quando iniciei na Religião era diferente dos dias de hoje. Na minha época o Pai de Santo era autoridade máxima dentro da Casa, tudo que ele falava era lei, tinha que ser seguido a risca, não tinha o “Eu Acho ou o Talvez ou Eu não posso”, tínhamos que fazer e pronto. Muito milho eu escolhi, muito chão eu lavei, muitas noites acordado para deixar uma obrigação pronta, dormíamos no…

Compartilhe este Post nas Redes Sociais
Read More

20/01/ Hoje é dia do Orixá Odé

O Orixá Odé, o Orixá caçador, senhor da fartura à mesa, senhor da caça, Oh caçador! Guerreiro de uma única flecha. Rei das Matas, Pai da Inspiração e da Esperança, daí-me as bênçãos da prosperidade e inspira-me os pensamentos do bem. Ajuda-me no sustento da minha fé; a fim que possa cumprir com minhas obrigações e meus deveres neste mundo. Indica-me com sua flecha sagrada os verdadeiros caminhos da prosperidade. Vós que recebestes o domínio das matas, de onde tiramos o oxigênio necessário á manutenção de nossas vidas durante a…

Compartilhe este Post nas Redes Sociais
Read More

O Sacrifício de Animais nos Cultos Afros

Com certeza, o sacrifício de animais é herdado de forma hereditária dos fundamentos dos cultos praticados na África. Nos cultos aos Orixás e na Umbanda esta prática é desenvolvida, assim como nas inúmeras seitas e cultos africanos. Infelizmente o ecletismo e pluralidade de doutrina dentro da Umbanda e dos Cultos Afros são inúmeras. Não existe codificação e as ramificações são incontáveis. O que podemos tirar como sumo vital de tudo isto? O que é comum a todos? Os Orixás e a manifestação mediúnica. O resto se perde num emaranhado de…

Compartilhe este Post nas Redes Sociais
Read More

Quem são os Pretos Velhos na Umbanda?

Você já ouviu falar dos Pretos Velhos? Pretos Velhos são entidades de luz da Umbanda que têm uma evolução espiritual muito alta e com seu cachimbo nos dá passes tratando os males do corpo e da alma. Os Pretos Velhos são divindades purificadas de antigos escravos africanos, são feiticeiros poderosos. Com seu olhar observador, está sentado em seu banquinho, fumando seu cachimbo, benzendo com ramo de arruda e guiné, abençoando com sua água benta. São com estes objetos no plano físico que eles purificam no plano espiritual, estabelecendo uma limpeza…

Compartilhe este Post nas Redes Sociais
Read More

Conheça as cores de vela para cada Orixá

Ao utilizar a cor da vela do Orixá correspondente, atrai as energias do mesmo, direcionando as energias benéficas aos seus filhos. Conheça abaixo qual seu Orixá e a cor de vela correspondente. Bará – Velas na cor Vermelha Ogum – Velas na cor Vermelha e Verde ou vice versa (em algumas tradições pode ser usada Vermelha, Verde e Azul Claro ou Vermelho e Azulão Para Ogum Adiolá) Oyá/Iansã – Velas na cor Vermelha e Branca (em algumas tradições pode ser usada Vermelha e Marrom) Xangô – Velas na cor Branca e…

Compartilhe este Post nas Redes Sociais
Read More

Quem são os cambonos?

Quem já acompanhou algum terreiro, com certeza reparou que alguns do filhos da casa não incorporam nenhuma entidade. Ficam auxiliando e servindo as entidades no atendimento aos frequentadores do terreiros. São os chamados Cambonos. A palavra Cambono possui 7 Letras, este é um médium de sustentação e de auxílio aos médiuns e entidades dentro de um terreiro, como também é uma fase pra o médium ampliar seus conhecimentos na religião. Um bom Cambono será um grande Médium se este assim desejar. Poderá ter mediunidade ostensiva, mas não trabalha incorporado nas…

Compartilhe este Post nas Redes Sociais
Read More

O dinheiro compra fundamentos?

  Talvez os mais velhos me entendam… Não sinta-se inferior por sua entidade bicar um dedo de pinga enquanto o do outro empina a garrafa, não sinta-se inferior nem ridicularizado quando sua entidade não pode usar um chapéu por ser recém chegado, enquanto você pensa ” mas todo mundo usa “. Não deixe que lhe fuja a verdade, não seja mais um decaído entre tantos pais de santo famosíssimos que prostituíram seu axé por ganância. É triste povo, mas uma triste realidade, com o passar do tempo, um pai de…

Compartilhe este Post nas Redes Sociais
Read More